[ Review ] Daredevil - 1ª Temporada

  Como fã de quadrinhos a fanática aqui tinha que conferir Daredevil, mais conhecido como Demolidor - O Homem Sem Medo. A série produzida pela Netflix conseguiu me atrair a partir do primeiro episódio e depois de 13 deles cheguei finalmente a um review completo da primeira temporada. Confira.

  “Marvel’s Daredevil” (Demolidor) nos conta a história de Matt Murdock, um homem que ficou cego ainda jovem, mas foi presenteado com sentidos extraordinários. Ao se tornar um homem adulto, Matt Murdock passa a lutar contra as injustiças no bairro da Cozinha do Inferno como um advogado, mas quando a noite chega ele assume uma outra identidade: Demolidor, o homem sem medo que luta contra a criminalidade como um vigilante mascarado. A nova série da Marvel mostrará o herói em conflito com seu principal inimigo: Wilson Fisk, o Rei do Crime.

   O que fazer quando a cidade em que cresceu se torna um inferno real assim como o seu nome Hell's Kitchen, o que um advogado cego poderia fazer para mudar isso? A lei deve ser feita a todo custo, foi esse o pensamento de Matt; após um acidente na infância que o deixou cego, o garoto passou a ter os sentidos mais aguçados graças a matéria radioativa que o cegou melhorando todos os seus outros sentidos para além da capacidade humana e deu-lhe um tipo de sonar que atua como a sua visão. Com isso Matt decide que não irá agir somente pela lei, mas também nas sombras. Em um episódio Foggy, melhor amigo do protagonista comenta que Matt não pode ser o juri e juiz, mas também quer ser o carrasco, uma referência ao lado obscuro do advogado a noite.

Em Daredevil sua primeira temporada é focada em um dilema entre o bem e o mal, a forma como o personagem tenta entender se o que está a fazer é certo ou errado, na mente de Matt há o bem e o mal dentro de si, um demônio tentando sair, com garras e dentes afiados. As conversas com o padre mostram exatamente isso, se ele passar daquela linha tênue entre corrigir o mal e se tornar o mal é a questão, matar para poder fazer eles pagarem, seria esse o preço de um herói? Um mártir como citado na série, no final acabaria sangrando sozinho, sem ninguém para proteger, ninguém ao seu lado.
“Bem e mal, às vezes, a separação entre eles é uma linha nítida, às vezes é borrada.”
Foggy é o melhor personagem até agora, tirando os conflitos de Matt e a estupidez da Karen que quer provar tantas coisas sem ter nada concreto, em si só sabe ferrar com a vida dos outros, mas quando vemos o Srº Nelson em ação pensamos em um coadjuvante que só vai estar lá para ser o melhor amigo do mocinho, será aquele gordinho engraçado, mas ninguém esperava o crescimento do personagem em sua primeira temporada, a maturidade que este tem ultrapassa aos dos outros dois principais, competente por de baixo de uma camada de comédia, Foggy tem a capacidade de ser um grande advogado, e provou isso em vários casos que teve que fazer sozinho, enquanto Matt apanha e tirava um cochilo em caçambas de lixo.
Entre casos e conflitos vemos cada um dos vilões caírem conforme o Devil como é conhecido, volta a por em ordem a cidade, o interessante é que a série tem esse ar totalmente carregado de realidade e violência que existe nas cidades, não é aquele conto de fadas em que poderiam sair e cantar na chuva, mas sim os becos escuros com drogas, venda de órgãos e um Rei do Crime.
“Não se trata do quão forte você consegue bater, se trada do quanto você consegue apanhar e continuar de pé”.
   Com um final digno a primeira temporada fecha o ciclo com a escolha de Matt ser ou não herói, decidir de pode ou não salvar a cidade e se tornar o real demônio que os vilões irão temer, acho interessante isso, ele tem uma certa ligação com Batman, já que o morcego se tornou algo que os vilões temia, mas que ele também tinha medo, ambos assumem os lados sombrios, mas da forma certa.
    Já dei continuidade na segunda temporada, que vai contar com a presença de nada menos do que o Justiceiro, Frank Castle chega para desestruturar ainda mais o que estava voltando ao lugar, um homem traumatizado pela morte de sua família que não mede esforços para matar todos os criminosos, nem que isso o torne um. Vai ter também Elektra, por isso não tem como perder. Confiram o trailer da segunda temporada.


  É gente o que acharam? Ainda não fiz minhas resenhas das HQ's, mas pelo que viram eu sou viciada nelas não é, pois bem, Demolidor está na Netflix, quem gosta de anti-heróis vai adorar o personagem, tem tanta complexidade por trás de Matt nos quadrinhos que espero que a série mostre ele finalmente se tornando um herói, e é claro o conflito interno com as reviravoltas do destino.
"A maldade do outro não o torna bom."
Xoxo

K Riquelme

10 comentários:

  1. Tinha visto algo sobre a série por aí, mas nada muito detalhado, depois de ler sua opinião sobre ela acho que fiquei com vontade de assistir. O Demolidor também é um dos meus personagens favoritos, mas tenho que confessar que esse Demolidor da série, está bem mais para Hellboy XD porém, vou dar uma chance a ele. ;)

    Obrigada pela dica,
    Abraços. o/

    ResponderExcluir
  2. Gostei de conhecer um pouco mais sobre a série!
    Parabéns pelo post.
    Vai ter Elektra? Nossa que legal. Como você disse, não da pra perder!

    Beijinhos...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii linda, como vai?
    Realmente gostei muito de saber um pouco sobre a série, de certo modo até despertou meu interesse, anotei a dica com toda certeza.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Oi!!!
    Eu não sou muito chegada no demolidor, tenho amigas que assistem e AMA de paixão a série, ficam até me enchendo o saco pra eu ver, mas ainda não tomei coragem pra ver. É bom ver mais Reviews da série porque ai consigo ver se quero mesmo ver ou se vou deixar pra lá, por enquanto ainda tô em dúvida!!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  5. Oi, eu não sou muito fã do Demolidor, por isso não me interessei pela serie. Acho legal a participação da Elecktra, deixa o enredo mais completo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Eu não sou fã de quadrinhos ou esses super-heróis rs' mas fico encantada com toda produção e dedicação. Apesar de não gostar muito, fiquei curiosa com a história do protagonista e quero dar uma conferida.. essa luta e revolta vai longe, e é instigante!

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  7. Amei a primeira temporada de Demolidor, não tem como não se envolver com a história e não torcer pelo Matt.
    Não gosto da Karen, pior pessoa/personagem ever.
    Rei do crime dá um show.
    Tô morrendo de vontade de assistir a segunda temporada.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  8. Já ouvi maravilhas sobre essa série, minhas sobrinhas adoram, mas ainda não consegui parar para assistir. O bom é que tem na Netflix. Vou colocar entre os meus escolhidos para ver mais tarde. Seu post me deixou com muita vontade de começar logo a assistir.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  9. Ainda não assisti a série da netflix, porém Adorei o review. Ela será uma das pórtico mas séries que verei;

    ResponderExcluir
  10. Eu simplesmente AMO demolidor! Amo! Fazia tempo que não lia algo sobre, obrigada por esse texto, vou rever pra matar a saudade!

    ResponderExcluir